Skip to content

Edição de abril e maio 2020

Forcine está celebrando 20 anos em quarentena

Ainda que todos estejamos em quarentena e as atividades presenciais de ensino de cinema e audiovisual estejam paralisadas pela pandemia COVID-19, o Forcine segue atuante e promovendo ações durante este período de distanciamento social. O ano de 2020, que começa de maneira inesperada, é especial para a entidade pois marca seus 20 anos de existência e estão programadas diversas atividades nesse período.

Uma das principais ações que estão em curso é a de um HUB de atividades e conteúdos para interessados em cinema e audiovisual no Brasil. Trata-se de um documento compartilhado que pode ser acessado através do banner principal do site da entidade, onde estão publicadas as indicações separadas por sessões que podem ser acessadas em um menu lateral. O HUB iniciou a partir de uma parceria do Forcine com a plataforma Imprensa Mahon que classificou seu conteúdo para disponibilizarmos às escolas e, desde então, vem crescendo através de novas parcerias e sugestões da comunidade dos cursos. As indicações estão sendo atualizadas frequentemente, no mínimo uma por semana.

Além do conteúdo da Imprensa Mahon, o Fórum viabilizou uma parceria com o Navega Rotas Criativas que permitiu a professores e estudantes das associadas o acesso a dois cursos em vídeo com profissionais reconhecidos no mercado audiovisual brasileiro e internacional: o produtor Rodrigo Teixeira e a diretora Anna Muylaert. O curso de Rodrigo versa sobre produção criativa para cinema e esteve disponível no período de 7 a 22/4. Já o de Muylaert é focado em roteiro cinematográfico e fica acessível de 23/4 a 7/5. Para visualizar o conteúdo, os professores das escolas associadas (veja se sua escola é associada) fazem um cadastro e recebem a senha e forma de acesso. Até a edição do Boletim, 61 docentes de escolas associadas tinham realizado cadastro para acessar o conteúdo.

Identidade Visual Forcine 20 anos

No ensejo dos vinte anos, o Fórum divulga o endereço de um site de referência para as informações das atividades de celebração que as escolas podem fazer uso e divulgar: forcine.org.br/vinte. Até o momento, foi divulgada a identidade visual dos 20 anos que, para marcar o período, substitui a marca do Forcine durante 2020 e pode ser amplamente usada e divulgada pelas escolas e públicos do Fórum. Os arquivos estão disponíveis nesse endereço acima.

Alguns encontros regionais, originalmente programados na forma presencial, estão sendo organizados para acontecer a distância. Pedimos para as escolas que fiquem atentas às novidades e/ou alterações que serão divulgadas na e-lista do Fórum, no site de referência e neste Boletim.

AIC realiza Cineclube #ficaemcasa durante a COVID-19

A Academia Internacional de Cinema, associada Forcine, está realizando, durante a pandemia COVID-19, o Cineclube #ficaemcasa. Todas as quintas-feiras, pelo canal do Youtube da Escola, há a transmissão de debates com os professores da AIC sobre um filme indicado aos participantes. Para assistir e participar, basta ficar atento à indicação dos filmes às segundas e se inscrever no canal da AIC no YT.

Já foram realizadas seis edições debatendo os longas-metragens À Meia-Noite Levarei Sua Alma (José Mojica, 1964), Parasita (Bong Joon-ho, 2019), American Factory (Julia Reichert, Steven Bognar), Jojo Rabbit (Taika Waititi, 2019), Martin Eden (Pietro Marcello, 2019) e Janela Indiscreta (Alfred Hitchcock, 1954). Acompanhe as novidades do Cineclube e da AIC também pelo site da escola.

Paradiso Multiplica promove masterclasses

O Projeto Paradiso lançou em 29 de abril o Paradiso Multiplica. A iniciativa reúne masterclasses e workshops sobre roteiro, direção, produção e distribuição, ministrados por integrantes da Rede de Talentos Paradiso, que compartilham com estudantes e outros profissionais do audiovisual os aprendizados adquiridos em instituições de referência em todo o mundo com o apoio das Bolsas do Projeto Paradiso.

A primeira edição está sendo realizada em parceria com a Spcine. As atividades realizadas são online e gratuitas, às quartas-feiras, às 17h, mediante inscrição. O primeiro ciclo foisobre roteiro e começou com uma masterclass ministrada pela roteirista e diretora Nina Kopko, no dia 29 de abril. Formada em Cinema, Nina é tutora do Laboratório de Roteiros da Escola Porto Iracema das Artes, de Fortaleza, e foi diretora assistente dos longas “A Vida Invisível”, de Karim Aïnouz – vencedor da mostra Um Certo Olhar, no Festival de Cannes 2019 – e de “O Silêncio do Céu”, de Marco Dutra.

O segundo encontro do ciclo de roteiro será realizado em 13 de maio, também às 17h, com a masterclass ministrada por Beatriz Seigner, diretora e roteirista do longa “Los Silencios”, que estreou na Quinzena dos Realizadores de Cannes em 2018 e venceu diversos prêmios em festivais nacionais e internacionais. As inscrições para este encontro serão abertas em 02 de maio. O Paradiso Multiplica com a Spcine ainda contará com mentorias oferecidas pelos bolsistas do Projeto Paradiso, direcionadas a projetos selecionados pelo edital de Longas-Metragens de Baixo-Orçamento da Spcine. O segundo ciclo do “Paradiso Multiplica com a Spcine” acontecerá em julho e terá foco em direção, e o terceiro ciclo está previsto para outubro, com foco nas áreas de produção e distribuição. As mentorias atenderão todas as áreas cobertas pelos três ciclos. Mais informações no site do Projeto Paradiso.

Forcine em colaboração com Federação Portuguesa de Escolas de Cinema

No mês de abril, o Forcine assinou protocolo de colaboração com a Federação Portuguesa de Escolas de Cinema e Audiovisual (FECA), uma entidade que realiza um trabalho semelhante ao do Fórum brasileiro no país ibérico. Dentre seus objetivos, a FECA atua na qualificação do ensino de cinema e audiovisual promovendo qualificação de professores e alunos, a internacionalização das escolas portuguesas, trocas de experiência por meio de intercâmbios discentes e defender os interesses das escolas junto ao Instituto do Cinema e Audiovisual de Portugal (ICA), órgão estatal para o setor.

A cooperação entre as duas entidades ocorre em termos de realização de programas de desenvolvimento e formação dos públicos, divulgação mútua de informações, cooperação técnica e científica, intercâmbio de técnicos e especialistas, cedência de recursos e outras possibilidades. Assinaram a cooperação por parte da FECA os professores Manuel José Damásio (presidente) e Luís Nogueira (vice-presidente), pelo Forcine assinou a presidente da entidade Alessandra Meleiro. Conheça o site da FECA.

Forcine estabelece acordo de cooperação com ICAB/BRAVI

O Forcine, em 2020, põe em curso um acordo de cooperação com uma entidade parceira que, a partir de agora, aproxima-se em diversas realizações como participações mútuas em iniciativas e divulgações de eventos às associadas. Tratam-se do Instituto de Conteúdos Audiovisuais Brasileiros (ICAB), como iniciativa da também parceira Brasil Audiovisual Independente (BRAVI).

A partir da parceria, o ICAB passou a incluir a marca do Forcine na área de destaque dos parceiros, no site do Instituto. Também, a marca Forcine passa a fazer parte do apoio ou parceria institucional nas artes e textos de divulgação do Prêmio ICAB Campus e nas demais ações que o Fórum se estabelecer como parceiro. Especialmente quanto ao ICAB Campus, o Forcine integrará a Banca Avaliadora com duas cadeiras.

Dentre as contrapartidas que o Fórum oferece ao ICAB destacam-se a avaliação do conteúdo acadêmico dessas modalidades de participação dentro do ICAB Campus. Também, um monitoramento e divulgação, por parte do Forcine, de conteúdos acadêmicos, editais, teses, dissertações, pesquisa e notícias nacionais e internacionais relacionados com a Economia Criativa e ao setor Audiovisual inéditos ou que ainda não tenham sido divulgados amplamente pelo mercado audiovisual. As contribuições de informação do Boletim e enviadas pelas associadas, nesse sentido, contribuem com informação e conexão do ensino com o mercado audiovisual brasileiro e, acreditamos, servem de incentivo à divulgação das realizações das escolas associadas ao Forcine.

Nesse sentido, segue a divulgação para as escolas brasileiras de inscrições abertas para o Prêmio ICAB Campus, projeto de incentivo à produção de artigos acadêmicos originais sobre o setor audiovisual e indústria criativa. As inscrições estão abertas até 14 de junho, através do site da premiação.

Conferências gratuitas pelo Youtube do Rio2C

No contexto da pandemia COVID-19, o Rio2C, o maior evento de criatividade e inovação da América Latina, está promovendo o Rio2C@Live, uma iniciativa que visa manter o Rio2C no ar por todo o mês de maio. De 4 a 8 de maio serão realizadas conferências digitais, que contará com a curadoria do evento. São 5 dias, 35 painéis, mais de 100 palestrantes. A live será aberta e gratuita.  As inscrições estão disponíveis no YT do Rio2C em youtube.com/rio2c.

De 11 a 15 e 18 a 22 de maio será disponibilizado aos produtores do audiovisual a oportunidade de realizarem as primeiras reuniões de negócios virtuais do mercado, que vão reunir players e produtoras através de plataformas de videoconferência. Segundo o evento, esta é uma oportunidade exclusiva para os participantes do Rio2C 2020 que adquiriram a credencial Industry e Industry+ e tiveram seus projetos aprovados para as reuniões de negócios (one-to-one meetings). E na última semana do mês, de 25 a 29 de maio, as reuniões de negócios virtuais vão promover a conexão entre startups e investidores. Conheça a programação completa das lives aqui.

Projetos de sessões de filmes ocorrem durante a quarentena

Dois projetos de exibição de filmes relacionados à escolas e parceiros do Forcine estão ocorrendo durante a quarentena da pandemia COVID-19. O curso de Cinema e Audiovisual da associada Universidade do Sul de Santa Catarina (Unisul) estreou o canal Cinema Unisul TV no Youtube e está realizando sessões regulares de curtas-metragens do curso todos os sábados e domingos em formato de transmissão ao vivo com a presença dos realizadores no chat e comentários dos professores do curso. O endereço para conferir as sessões anteriores e as próximas é o do canal Cinema Unisul no YT.

Já o Sigma Cinema, do RS, está promovendo o Cine Quarentena com a disponibilização de curtas brasileiros exibidos pelos eventos do Coletivo e a realização de transmissões ao vivo juntamente com os cineastas em formato de bate-papo. Toda segunda-feira e quinta/sexta-feira do mês estão sendo divulgados os links dos filmes selecionados do catálogo nos canais de comunicação. Toda quarta-feira e domingo do mês, às 20h, no Instagram, são realizados os bate-papos ao vivo abordando os filmes e seus contextos, com duração entre 30 minutos e 1 hora. O canal para acompanhamento da programação é o Instagram do Sigma.

Disponível o Anuário de Festivais e Mostras Audiovisuais de 2019

Está disponível para acesso o anuário Os Festivais/Mostras Audiovisuais em 2019: Geografia e Virtualização, que tem como objetivo traçar um perfil dos festivais/mostras audiovisuais brasileiros que abriram inscrições para obras e que foram realizados em 2019, oferecendo um panorama geográfico (onde os eventos ocorreram) e virtual (desempenho dos processos de inscrições para essas obras) ao longo do ano. O anuário tem autoria de Paulo Luz Corrêa e está disponível para acesso e download.

A novidade está no comparativo das informações do último quadriênio (2016-2019) do circuito, permitindo visualização do total de festivais/mostras cadastrados, por Região, quantidade das principais temáticas ao evoluir dos anos e as formas e tipos de inscrição cadastradas nesse intervalo de tempo. Em 2019 foram quase 350 festivais/mostras que abriram inscrições de obras audiovisuais, menor número do último triênio (2017-2018-2019), em 266 municípios (4% das cidades brasileiras), desempenho um pouco mais tímido do que em 2018.

Nos eventos temáticos, a maior redução se deu nos eventos voltados para o universo LGBTQ. Os festivais/mostras universitários apresentaram uma queda mínima comparada à 2018, encerrando o ano com 38 eventos realizados. Nos últimos 4 anos, 2017 foi o período com a maior quantidade de eventos do tipo (43). Já os estudantis, voltados para obras de alunos do ensino fundamental/médio e técnico, apresentaram leve estabilidade. O circuito abrigou quase 120 mil inscrições realizadas, com a forma virtual recebendo a maior parte dessas submissões, desenhando um perfil do festival/mostra brasileiro: que recebe em média 500 inscrições e utilizando majoritariamente o Formulário Google. O Forcine agradece ao pesquisador Paulo Corrêa pela divulgação da pesquisa às escolas brasileiras.


Anuário Os Festivais/Mostras Audiovisuais em 2019: Geografia e Virtualização

Anexo 1: Relação de festivais/mostras catalogados (com abertura de inscrições e realização em 2019)

Anexo 2: Comparativo dos anuários realizados no quadriênio 2016-2019

Link para download de todos os anuários

UFSM e UFSC realizam Festival Assimetria com inscrições até 30/4

A terceira edição do Festival Assimetria (Festival Universitário de Cinema e Audiovisual) que ocorre na Universidade Federal de Santa Maria (UFSM) na cidade de Santa Maria/RS está com inscrições abertas até 30/4. Essa edição abrangerá filmes de até 25 minutos realizados no período de graduação ou pós-graduação em Instituições de Ensino Superior (IES) da região Sul do Brasil, mais Argentina, Uruguai e Paraguai. O intuito é difundir o curta-metragem universitário e promover a reflexão sobre as produções cinematográficas dos estudantes de graduação e pós-graduação, além de buscar contribuir para a promoção da cultura local, nacional e sul-americana.

O Festival Assimetria é sensível à situação pela qual o Brasil, e o mundo, está passando com a pandemia do Covid-19 e suas consequências. Entendemos o quanto esse cenário afeta nossas vidas, mas acreditamos que o cinema e o audiovisual tem desempenhado um papel fundamental nesse contexto. Diante disso, estamos trabalhando com a possibilidade de que a edição de 2020 do Festival possa vir a acontecer no mês de junho, talvez de forma virtual, permitindo que as produções universitárias circulem e sejam valorizadas. Portanto, as inscrições ainda estão abertas e podem ser feitas on-line até o dia 30 de abril. Poderão concorrer curtas-metragens universitários nas categorias de ficção, documentário e experimental e devem ter sido finalizados a partir de janeiro de 2018. As equipes devem ter sido compostas por pelo menos um estudante universitário e/ou egresso que assina uma das principais funções da obra.

O festival Assimetria é um projeto de extensão do Centro de Artes e Letras (CAL) da UFSM, em parceria com a TV OVO, com o Cineclube da Boca e com professores do curso de Cinema da Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC). Acompanhe o Assimetria pela página no Facebook, que também serve de canal de comunicação para dúvidas, além do e-mail assimetriacine@gmail.com. Regulamento e Inscrições neste link.

LATC promove concurso de argumentos LATINX 2020

Com o objetivo de incentivar a escrita cinematográfica na América Latina, fomentar a criação artística, bem como ajudar roteiristas iniciantes nas indústrias de cinema e entretenimento altamente competitivas, o Latin American Training Center (LATC), associada Forcine, apresenta seu tradicional concurso anual, realizado desde 2013 e repaginado desde a última edição. As inscrições vão até o dia 3/7, em diferentes opções de preço e modalidades descritas no site do concurso.

Em 2020, a temática é “Diversidade LGBTQ+”, visando estimular a maior inserção de roteiristas desta comunidade na indústria audiovisual, de forma que suas histórias possam ser contadas, estejam visíveis e sejam mais uma ferramenta contra o preconceito. Serão valorizados argumentos que tragam pautas importantes sobre o tema. O Concurso é voltado para roteiristas iniciantes (sem nenhum longa produzido), estudantes e recém-formadxs, naturais ou residentes da América Latina.

O júri final será formado por dois docentes das escolas associadas ao Forcine: Cíntia Langie Araújo, da Universidade Federal de Pelotas (UFPEL), e Fábio Allan Mendes Ramalho, da Universidade Federal da Integração Latino-Americana (UNILA). Os melhores argumentos em português também serão avaliados por Gil Baroni, diretor de Alice Júnior, e Julia Katharine, diretora de Tea for Two, primeira cineasta trans brasileira a entrar no circuito comercial. Os melhores argumentos em espanhol também serão avaliados por Miguel Lafuente, Diretor Artístico e de Programação do LesGaiCineMad, festival LGBTQ+ de Madri, e Marialy Rivas, diretora de Jovem Aloucada. As 30 primeiras inscrições receberão um feedback escrito do seu argumento, independentemente da sua colocação final.

Existe no LATINX 2020 a possibilidade de inscrição social gratuita para pessoas com renda familiar per capita de até um salário mínimo e desconto especial até o prazo final para mulheres, pessoas negras, trans e/ou estudantes recém-formadxs das escolas associadas ao Forcine até dois anos após a conclusão do curso. Veja mais informações, regulamento completo e inscreva-se no site do concurso.

Socicom foi signatária de manifestação sobre prioridades do MCTIC

A Socicom, Federação Brasileira das Associações Científicas e Acadêmicas de Comunicação, foi signatária de uma manifestação sobre as prioridades do Ministério da Ciência e Tecnologia, Inovações e Comunicações (MCTIC), do Governo Federal, a respeito das prioridades para projetos de pesquisa, de desenvolvimento e inovações para o período de 2020 a 2023. O documento foi redigido pela Academia Brasileira de Ciências (ABC) e Sociedade Brasileira para o Progresso da Ciência (SBPC) e reinvindicou que o Ministério considerasse o envolvimento "da comunidade científica e dos setores tecnológico e empresarial, atores essenciais nestas atividades". As entidades manifestaram preocupação que as prioridades tenham sido elaboradas sem discussão com as comunidades científicas e a omissão de apoio à ciencia básica, "fonte fundamental do conhecimento e da formação de recursos humanos qualificados, sem os quais não há desenvolvimento tecnológico e inovação".

Tal requerimento teve efeito com a publicação de uma nova portaria que alterou o texto anterior no sentido de contemplar a ciência básica: "São também considerados prioritários, diante de sua característica essencial e transversal, os projetos de pesquisa básica, humanidades e ciências sociais que contribuam para o desenvolvimento das áreas definidas". O Forcine, como entidade filiada à Socicom, manifestou pleno apoio à reivindicação.O documento de reinvindicação, na íntegra, pode ser lido neste link.

Festival Shorts México recebe filmes até 20 de maio

O Festival Internacional de Cortometrajes de México (Shorts México) realiza em 2020 sua 15ª edição e está com inscrições abertas para filmes brasileiros e de outros países até o dia 20 de maio. A equipe de organização solicitou ampla divulgação brasileira do Festival que ocorre em 16 lugares na Cidade do México, incluindo a Cineteca Nacional, Cinemex Reforma 222, Centro Cultural Bella Época/Cine Lido, Centro Cultural Universitario de la UNAM, Casa del Lago de la UNAM e centros culturais percententes a Secretaria de Cultura da cidade. O período de realização é de 2 a 9 de setembro e, até o momento, não há qualquer alteração divulgada no website em virtude da pandemia COVID-19. A chamada para curtas está disponível nesse link.

Toffoli apoia Pacto pela vida e pelo Brasil

O presidente do Supremo Tribunal Federal, ministro Dias Toffoli, manifestou apoio ao documento Pacto pela vida e pelo Brasil em reunião realizada com entidades manifestantes, ocorrida no dia 20/4. O manifesto foi elaborado pela Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB), Ordem dos Advogados do Brasil (OAB), Comissão de Defesa dos Direitos Humanos Dom Paulo Evaristo Arns, Academia Brasileira de Ciências (ABC), Associação Brasileira de Imprensa (ABI) e Sociedade Brasileira para o Progresso da Ciência (SBPC) e pode ser lido neste link.

O Forcine, como associado Socicom, endossa o manifesto do qual participa a SBPC diante do poder judiciário por compreender que, como observa o documento, "nossa sociedade civil espera, e tem o direito de exigir, que o Governo Federal seja promotor desse diálogo, presidindo o processo de grandes e urgentes mudanças em harmonia com os poderes da República, ultrapassando a insensatez das provocações e dos personalismos, para se ater aos princípios e aos valores sacramentados na Constituição de 1988".

Forcine apoia o Seminário História e Preservação de Cinemas Regionais

A preservação do patrimônio audiovisual local é um tema de grande importância social, política, histórica e cultural. Com mobilização de diversos setores da sociedade civil e do poder público, em 2019 foi elaborado um projeto para restauro de parte do acervo do Museu da Imagem e do Som de Campinas. O chamado Plano de Gestão de Riscos e Restauro do Acervo Campineiro do MIS-Campinas foi contemplado em Edital do Programa de Ação Cultural da Secretaria de Estado da Cultura de São Paulo (ProAC) e abrange em 2020, além do restauro em si, a realização do Seminário História e Preservação de Cinemas Regionais e a Oficina teórico-prática de revisão de películas cinematográficas Metodologias de trabalho de preservação de filmes. Tal iniciativa terá o apoio do Forcine com a participação da presidente da entidade, Alessandra Meleiro, como mediadora.

Colabore com o Boletim Forcine

Compartilhe notícias, relatos e experiências de suas escolas no Boletim Forcine. Colaborações com as próximas edições são bem-vindas através do e-mail contato.forcine@gmail.com (informar no título da mensagem Boletim Forcine). O texto deve conter até 250 palavras, pode conter links para páginas de internet e uma imagem.